O Elogio Ao Negro no Espaço do Futebol: Entre a Integração Pós-escravidão e a Manutenção das Hierarquias Sociais

Por: e Bruno Otávio de Lacerda Abrahão.

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.30 - n.2 - 2009

Send to Kindle


Resumo

Os autores analisam a ambivalência das representações sobre a “raça negra” no espaço do futebol brasileiro. Para tanto, observam o que a literatura versa sobre o preconceito racial que opera no Brasil e discutem como o elogio ao negro no futebol serviu para a construção positiva da identidade nacional e para a manutenção da hierarquização social oriunda da escravidão. No fio da navalha entre “hierarquizar” e “integrar”, os adjetivos corporais privilegiados na “raça negra” contrapunham-se aos da racionalidade da “raça branca”. Pensado após a abolição, o efeito perverso do elogio reside no fato de distanciar os negros das atividades superiores, ou intelectuais, indicando os campos de futebol como um dos seus espaços de integração naquela sociedade republicana e liberal.

Endereço: http://www.rbceonline.org.br/revista/index.php/RBCE/article/view/433

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.