O Esporte de Alto Rendimento Como Política Pública do Estado Burguês: a Acumulação, a Legitimação e a Exclusão Social Capitalista Nem Sempre Dissimuladas.

Por: Marcelo Guina Ferreira.

Pensar a Prática - v.2 - n.2 - 1999

Send to Kindle


Resumo

O presente artigo discute as políticas públicas implantadas em Goiás na área de Educação Física (EF)/Esportes nos âmbitos municipal e estadual, analisando o papel do estado burguês como promotor dos processos de acumulação e legitimação capitalista, na medida em que, para conter os gastos públicos – ‘crise’ fiscal do Estado –, faz cortes nos programas de EF nas escolas públicas, mantendo nelas, porém, programas que ampliam a hegemonia do sistema esportivo de alto rendimento (SEAR). Concluímos que isto se dá porque, através do SEAR, o Estado implementa a acumulação/legitimação capitalista no âmbito da cultura corporal.

Endereço: http://revistas.ufg.br/fef/article/view/160

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.