O Esporte Socio-educativo na Promoção da Auto-estima

Por: e Mauro Gomes de Mattos Filho..

Coleção Pesquisa em Educação Física - v.5 - n.1 - 2007

Send to Kindle


Resumo

A autoestima elevada é fundamental na formação da personalidade e aspecto mais aceito na saúde emocional, constituindo-se nas interações interpessoais e realizações com o meio. A prática esportiva consiste em diversas relações pessoais e na superação de desafios, assim, esta pesquisa de campo objetivou analisar as relações entre a prática de jogos adaptados de voleibol e a auto estima em crianças em idade escolar e identificar a influência da competência motora na promoção da autoestima. A amostra caracterizou-se por 1577 crianças com idades de 8 a 14 anos, de classes baixas, pertencentes aos cinco Núcleos do Centro Rexona/Ades de Voleibol no Estado de São Paulo. Para coleta de dados empregou-se questionário de medidas de opinião com seis perguntas. Os resultados apontam que as crianças consideram que as aulas de Voleibol ajudaram muito em: 76% a persistir diante das dificuldades; 78,8% a enfrentar novos desafios; 77,4% a perder o medo de errar; 79,3% a valorizar seus avanços e conquistas; 80,2 a se relacionar melhor com as pessoas; e 71,1% a ir melhor na escola. Desta forma, pode-se inferir que as competências na execução da tarefa impacta na autoconfiança, podendo o aluno estabelecer nexo entre autoconfiança e a autoestima. Assim, a percepção de competência motora torna-se um importante construtor no desenvolvimento da autoestima. Palavras chave: Esporte, competência motora e autoestima.

Endereço: https://www.fontouraeditora.com.br/periodico/home/viewArticle/57

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.