O Exercício Físico no Controle Glicêmico de Diabéticos Freqüentadores do Programa Pé-diabético no Hospital Regional de Taguatinga

Por: Adriana Cristina Barriviera Prada, Claudio Olavo de Almeida Córdova, Francisco José Andriotti Prada e Rafael André de Araújo.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.17 - n.2 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O objetivo desse estudo foi verificar o papel do exercício aeróbio no controle glicêmico em diabéticos freqüentadores do Programa Pé-Diabético no Hospital Regional de Taguatinga, DF. Trata-se de um programa referência Nacional e Internacional. A amostra de conveniência foi constituída por 30 diabéticos (tipo 2), sendo 20 mulheres e 10 homens (50 a 60 anos). A glicemia foi aferida por glicosímetro portátil (modelo Advantage, Brasil). As analises estatísticas foram realizadas por ANOVA Two Way para amostras independentes, com nível de significância p ? 0,05, e analisados no programa Microcal Origin, versão 8.0. Valores glicêmicos no pré-teste para homens (500 ± 180 mg/dL-1) e mulheres (467 ± 290 mg/dL-1) não diferiram estatisticamente entre grupos. Por outro lado, os resultados no pós-teste revelaram que os grupos reduziram significativamente (p ? 0,05) as médias glicêmicas comparados ao pré-teste. Conclui-se que o exercício aeróbio associado à alimentação saudável pode contribuir com o controle glicêmico de diabéticos.

Endereço: http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/1026

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.