O Higienismo no Campo da Educação Física: Estudos Históricos

Por: Carolina Fernandes da Silva, e Pedro Milagres.

Motrivivência - v.30 - n.54 - 2018

Send to Kindle


Resumo

Com intuito de contribuir para o conhecimento e a produção científica sobre o higienismo e as teorias de assepsia nas áreas da saúde e das ciências humanas, o presente artigo tem como objetivo verificar como estão configurados os estudos históricos sobre o movimento higiênico no campo da Educação Física. Os textos foram localizados e coletados nos sites eletrônicos da CAPES e SciELO, os quais têm contribuído para a divulgação do conhecimento científico em diversas áreas de pesquisa. Foi revelado um total de 141 artigos, dos quais 104 (74%) eram pesquisas históricas e os demais 37 (26%) são gerais. Do total, apenas 30 (21,27%) possuíam ligação como campo da Educação Física, 21 (70%) pertencem à temática histórica e os restante 9 (30%) generalizam temáticas com o campo em questão. Conclui-se que, apesar dos discursos higiênicos estarem historicamente presentes na legitimação da Educação Física, este é ainda pouco explorado na área.

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2018v30n54p160

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.