O índice de Desenvolvimento Humano e a Data de Nascimento Podem Condicionar a Ascensão de Jogadores de Futebol Ao Alto Nível de Rendimento?

Por: Felippe da Silva Leite Cardoso, Israel Teoldo da Costa e Julio Garganta.

Motriz - v.19 - n.1 - 2013

Send to Kindle


Resumo

O presente trabalho objetiva identificar a possível influência do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e da data de nascimento (DN) na ascensão de jogadores ao alto nível de rendimento. A amostra integra os 643 jogadores que disputaram o Campeonato Brasileiro Série A de 2010. Foram coletados dados referentes à data e ao local de nascimento juntamente com seu IDH. Foi utilizada a estatística descritiva e os testes Kolmogorov-Smirnov, Qui-quadrado, Kruskall-Wallis e coeficiente de corelação de Pearson. O nível de significância adotado foi de α=0,05. Os resultados sugerem que jogadores nascidos em cidades com valores populacionais inferiores a 100 mil habitantes, com IDH médio (entre 0,501-0,800) e, nascidos nos primeiros meses do ano, apresentam maiores chances de atingir a elite. Afigura-se plausível concluir que a DN e o IDH são fatores que associados podem determinar a ascensão de jogadores ao alto rendimento. 

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/4653

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.