O Jogo na Escola: Um Retrato das Aulas de Educação Física de Uma 5ª Série

Por: Mauro Henrique André.

Motriz - v.15 - n.2 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O presente trabalho, realizado por meio de uma pesquisa-ação, isto é, o pesquisador atuando também como professor, descreve e analisa as atitudes e comportamentos de crianças entre 10 e 12 anos de idade, na prática de um conjunto de jogos de regras, dentro de um ambiente escolar da rede pública, de Itapevi em SP, nas aulas de Educação Física. Para a realização do estudo foram filmadas 55 crianças participantes em quatro diferentes jogos, de naturezas distintas: jogo exposto, transformado e espontâneo. A descrição e análise das aulas focalizaram as atitudes, definindo-se quatro tópicos para discussão: conflitos, cumprimento de regras, expressividade e competitividade. A relação do indivíduo com o jogo e a cultura foram aqui apontados como as principais características na configuração do ambiente da atividade lúdica. Observaram-se também algumas situações específicas dessa relação, na medida em que o jogo restringiu-se aos jogos de regras (sociais), no ambiente escolar onde o indivíduo é representado no papel social de aluno. Diante dos resultados obtidos, o estudo propõe uma reflexão na qual os alunos sejam levados a perceber suas atitudes, e procurem adaptar o jogo às suas necessidades e não o inverso. Nessa perspectiva, o professor tem um importante papel de mediador, cabendo a ele apontar as dificuldades dos alunos e promover discussões que favoreçam esse trabalho coletivo.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/2128/2333

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.