O Lazer e as Relações Socioambientais em Belém - Pará

Por: .

Licere - v.15 - n.2 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Esta tese desenvolveu uma análise sobre a dinâmica do campo relacional do lazer em  Áreas Verdes Públicas Urbanas. O objetivo principal foi analisar as vivências de lazer e  sua intermediação nas relações socioambientais em Belém, a partir de uma trajetória  balizada nas relações entre os agentes do campo do lazer; na configuração desse campo  relacional, por meio das vivências em três dessas áreas, quais sejam, o Bosque  Rodrigues Alves Jardim Zoobotânico da Amazônia, a Praça Batista Campos e o Parque  Estadual do Utinga, e nos programas, projetos e ações de lazer e meio ambiente  existentes nas mesmas. Como opção teórico-metodológica, foram seguidas as  orientações propostas por Pierre Bourdieu, explorando seu referencial teóricometodológico nas investigações e os conceitos de campo e de habitus, mas também se  alicerça em teorias que tratam do lazer, da urbanização de Belém, de natureza e de  Áreas Verdes Públicas Urbanas. 

Endereço: http://www.anima.eefd.ufrj.br/licere/pdf/licereV15N02_tc2.pdf

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.