O Lúdico Identificado nas Habitações Indígenas da Amazônia.

Por: Jefferson Jurema e Rui Garcia.

VI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

O estudo de uma comunidade indígena, é assunto que desperta interesse relevante, tanto pela sua diversidade de elementos contidos em seu universo, como pelos símbolos que são apresentados no desenvolvimento das suas atividades. É no espaço social indígena que tudo acontece, desde a reatualização dos rituais, até uma simples brincadeira infantil. Alguns locais são escolhidos para serem preservados como espaços sagrados e servem para desempenhar várias funções no quotidiano. A habitação desempenha a mais importante função social daqueles povos, sendo o primeiro atributo para identificar uma comunidade, uma etnia, um sibs ou até mesmo uma tribo. No vasto contexto regional da Amazônia brasileira, a habitação é comumente conhecida como "maloca", embora apresente diferenças marcantes entre uma habitação convencional. Existe um verdadeiro universo circunscrito na construção e na ocupação de uma maloca. É um espaço que marca a dinâmica da vida na comunidade, bem como, serve para a sua proteção, para o armazenamento dos seus implementos de guerra, dos produtos alimentares e para as longas reuniões de convívio.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.