O Lugar das Emoções na Constituição Social do Psíquico: as Contribuições de Vygotsky

Por: Fernando L. González Rey.

Educação e Sociedade - v.21 - n.71 - 2000

Send to Kindle


Resumo

O artigo analisa o lugar das emoções na constituição social do psíquico, destacando, sobretudo, a contribuição de Vigotski. O texto enfatiza, particularmente, duas das idéias que mais impacto exerceram na reconstrução da psicologia por Vigotski: o desenvolvimento das funções psíquicas na atividade e a mediação dos signos na constituição dessas funções. O conceito de "situação social do desenvolvimento" revela a preocupação de Vigotski em integrar a riqueza dos processos internos, constituídos na história anterior do sujeito, com as influências que caracterizam cada um dos momentos sociais do desenvolvimento. Destaca-se também a importância que a "vivência" e a categoria de "necessidade" têm no pensamento de Vigotski. Finalmente, é analisada a questão da "personalidade" como construção teórica que reconhece ontologicamente a subjetividade individual, entendida como um processo de um sujeito que existe socialmente.

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.