O Que os Olhos Não Veem, Mas o Coração Sente: Classificação Per Capita e Por Faturamento do Quadro de Medalhas dos Jogos Paralímpicos Rio?2016

Por: Bruno Pedroso, Claudia Tania Picinin, Guilherme Moreira Caetano Pinto e .

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.41 - n.1 - 2019

Send to Kindle


Resumo

Objetivou---se analisar o quadro de medalhas dos jogos Paralímpicos Rio---2016 considerando o número de habitantes e o Produto Interno Bruto (PIB) dos países medalhistas. Inferiu---se que as primeiras colocações dos jogos Paralímpicos no quadro de medalhas usado pela mídia foram ocupadas por países com maior potencial econômico, o que foi reforçado pelos cálculos de correlação de Spearman entre as variáveis investigadas neste estudo. Observou---se, ainda, que o Brasil, mesmo não tendo obtido um desempenho ruim, apresenta um grande potencial de melhoria no número de medalhas de ouro e total de medalhas, tendo em vista seu tamanho populacional e PIB.

Endereço: http://www.rbceonline.org.br/es-o-que-os-olhos-nao-articulo-S0101328916301913

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.