Olimpíadas Escolares: Uma Proposta Sob a ótica da Cultura Corporal

Por: Marcos Avellar do Nascimento e .

IX Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

A partir da observação que as olimpíadas ou jogos escolares geralmente reproduzem a concepção de esporte do paradigma da aptidão física (COLETIVO, 1992), isto é privilegiam a prática acrítica de poucos em detrimento a maioria e colocam o resultado e a performance como fatores primordiais, esse estudo tem por objetivo apresentar uma proposta de "Olimpíadas escolares" cuja concepção teórica afasta-se desse modelo de realização, estando em consonância com as propostas e especificidades de paradigma da cultura corporal (COLETIVO, 1992). Tal proposta já foi aplicada em dois níveis distintos de escolaridade: nas Olimpíadas internas do Instituto de Educação Física da Universidade do Estado do Rio de Janeiro e em uma escola do primeiro segmento do primeiro grau (CA a quarta série) sendo-nos possível afirmar que logrou êxito, na medida que foi observado: uma plena participação dos alunos; uma significativa mudança do nível de criticidade dos alunos; a não priorização da performance e dos resultados.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.