Orientação e Mobilidade: Um Estudo Intercultural Entre Brasil e Portugal

Por: Sônia Berenice Hoffmann.

VII Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

A maior de todas as restrições sofridas pelo portador de cegueira está centrada em sua mobilidade, a qual, comprometida, alterasua independência e o próprio estilo de vida. Esta problemática e seus efeitos, porém podem ser minimizados com o ensino-aprendizagem-uso das técnicas de Orientação e Mobilidade (OM). AOM,disciplinaque deve preferencialmente ser ministrada pelo professor de Educação Física, é o processo composto por um conjunto de capacidades desenvolvidas e técnicas apropriadas e específicas (guiahumano, proteção e bengala) que possibilitam aos indivíduos deficientes visuais (cegos ou com visão subnormal) o conhecimento, o relacionamento e deslocamentos (in)dependentes e naturais, nos diferentes espaços e situações do ambiente. Um estudo intercultural entre Brasil e Portugal, utilizando questionários escritos, apresentou os seguintes resultados fornecidos por 50 profissionais brasileiros e portugueses, especializados em deficiência visual: o ensino de todas as técnicas de OM deve ser oferecido à criança cega congênita na fase infantil; o ensino destas técnicas possibilita a elafacilitações em seu desenvolvimento global,especificamente nos aspectos motor (90%), cognitivo (88%), das relações sociais (88%) e afetivo (84%). Estes profissionais também responderam que a utilização da bengala para os deslocamentos do portador de cegueira apresenta, como benefícios: independência (98%), auto-confiança (96%), segurança (96%), integração (94%), noção de distância (92%), contato social (90%), equilíbrio corporal (90%), oportunidade de emprego (90%), relação tempo/espaço (90%), privacidade(80%), conhecimento real dos objetos (82%) e poder econômico (72%), confirmando a fundamental importância do ensino de OM para o indivíduo deficiente visual.

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.