Send to Kindle


Resumo

O esporte contemporâneo é considerado um dos maiores fenômenos sociais do século XX (J. Barbero, 1993; J. Brohm, 1993; N. Elias & E. Dunning, 1992) e tem agregado em torno de si um número cada vez maior de áreas de pesquisa, constituindo as chamadas Ciências do Esporte, compostas por disciplinas como antropologia, filosofia, psicologia e sociologia do esporte, no que se refere à área sócio-cultural, incluindo também a medicina, fisiologia e biomecânica do esporte (V. Bracht, 1995), demonstrando uma tendência – e uma necessidade – à interdisciplinaridade. Essa tendência, contudo, não representa uma prática interdisciplinar, ainda, uma vez que as diversas sub-áreas convivem enquanto soma, mas não em relação, fazendo com que as Ciências do Esporte vivam hoje um estágio denominado ‘pluridisciplinar’.

Bibliografia

ANGELO, L. F. Psicanálise e Psicologia do Esporte: é possível tal combinação?. In RUBIO, K. (org.) Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervençãoSão Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

AZEVEDO MARQUES, J. A.; JUNISHI, S. K. Iniciação esportiva: um instrumento para a socialização e a formação de crianças e jovens. In RUBIO, K. (org.). Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervenção. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

BARBERO, J. I. Introduccion. Materiales de Sociologia del Deporte. Madrid: La Piqueta, 1993.

BERNARDES, J. S. História. In JACQUES, M. G. C. STREY, M. N.; BERNARDES, M. G.; GUARESCHI, P. A.; CARLOS, S. A.; FONSECA, T. M. G. (orgs).  Psicologia Social Contemporânea: livro-texto. Petrópolis: Vozes, 1998.

BOSI, A. Cultura brasileira. São Paulo: Ática, 1991.

BOCK, A. M. B.; GONÇALVES, M. G. M.; FURTADO, O. (orgs). Psicologia Sócio-Histórica: uma perspectiva crítica em Psicologia. São Paulo: Cortez, 2001.

BRANDÃO, M. R. F. A formação e profissionalização do Psicólogo do Esporte. In RUBIO, K.(org.). Encontros e desencontros: descobrindo a Psicologia do Esporte. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

BROHM, J. M. Tesis sobre el deporte. Materiales de Sociologia del Deporte. Madrid: La Piqueta, 1993.

CAMPOS, R.; ROMANO, B. W.; NEGRÃO, C. E. Psicologia do Esporte de reabilitação.  In  RUBIO, K. (org.).  Encontros e desencontros: descobrindo a Psicologia do Esporte. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

CILLO, E. N. P. Análise do comportamento aplicada ao esporte e à atividade física: a contribuição do behaviorismo radical. In  RUBIO, K. (org.). Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervenção. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

COMISSÃO DE ESPORTE DO CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DE SÃO PAULO.  A avaliação psicolólogica no esporte ou os perigos da normatização e da normalização.  In RUBIO, K.(org.). Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervenção. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

CRUZ, J. Psicología del deporte: historia y propuestas de desarrollo. In CRUZ, J. (editor). Psicología del deporte. Madrid: Sintesis Psicologia, 1997.

DaMATTA, R. Universo do futebol: esporte e sociedade brasileira. Rio de Janeiro: Pinakothke, 1982.

DaMATTA, R. Antropologia do óbvio. Notas em torno do significado social do futebol brasileiro. Revista USP. Dossiê Futebol. nº 22, p. 10-17, jun-ago 1994.

DIEM, C. Historia de los deportes. Barcelona: Luis de Caralt, 1966.

ELIAS, N.; DUNNING, E. Deporte y ocio em el processo de civilización. Madrid: F.C.E., 1992.

FEIJÓ, O. G. Psicologia do Esporte e no Esporte. In RUBIO, K. (org.). Encontros e desencontros: descobrindo a Psicologia do Esporte. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

FERREIRA NETO, A.; GOELLNER, S. V.;BRACHT, V. (orgs) As ciências do esporte no Brasil. Campinas: Autores Associados, 1995.

FIGUEIREDO, S. H. Variáveis que interferm no desempenho do atleta de alto rendimento. In RUBIO, K. (org.). Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervenção.São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

FRANCO, G. S. Quando o esporte encontra o psicodrama.  In RUBIO, K. (org.). Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervenção. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

LANE, S. A Psicologia Social e uma nova concepção de homem para a Psicologia. In LANE, S. & CODO, W. (orgs). Psicologia Social: o homem em movimento. São Paulo: Brasiliense, 1984.

LUCCAS, A. N. A Psicologia, o Esporte e a Ética. In RUBIO, K. (org.). Encontros e desencontros: descobrindo a Psicologia do Esporte. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

MACHADO, A. A. Psicologia do Esporte. Temas emergentes. Jundiaí: Ápice, 1997.

MARKUNAS, M. Reabilitação esportiva ou esporte como reabilitação?. In RUBIO,  K. (org.). Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervenção. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

MARTINI, L. A. Fundamentos da preparação psicológica do esportista. In RUBIO, K. (org.). Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervenção. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

MATARAZZO, F. A tipologia jungiana e sua utilização no esporte. In RUBIO, K. (org.). Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervenção.São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.

ROSENFELD, A. Negro, macumba e futebol. São Paulo: Perspectiva/EDUSP; Campinas: Ed. da Unicamp, 1993.

RIBEIRO da SILVA, A. Psicología del deporte y preparación del deportista. Buenos Aires: Kapeluz, 1975.

RIERA, J.; CRUZ, J. Psicología del deporte. Aplicaciones y perspectivas. Barcelona: Martínez Roca, 1991.

RUBIO, K. O atleta e o mito do herói. O imaginário esportivo contemporâneo. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2001.a.

RUBIO, K. El encuentro de la Psicología del Deporte con la Psicología Social. Psicologia Social hoy. México: Universidad Autonoma de Mexico, 2001.b.(no prelo).

RUBIO, K. O trajeto da Psicologia do Esporte e a formação de um campo profissional. In RUBIO, K. (org.). Psicologia do Esporte: interfaces, pesquisa e intervenção. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.a.

RUBIO, K. Quem sou? De onde vim? Para onde vou? Rumos e necessidades da Psicologia do Esporte no Brasil. In RUBIO, K. (org.). Encontros e desencontros: descobrindo a Psicologia do Esporte. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2000.b.

RUBIO, K. Psicologia do Esporte: histórico e áreas de atuação e pesquisa. Psicologia, Ciência e Profissão. vol, 19, nº 3, p. 60-69, 1999.

RUBIO, K. Psicologia do Esporte: espaço de pesquisa e campo de intervenção. Cadernos de Psicologia. vol. 4, nº 1, 1998.

RUSSEL, G. W. The social psychogy of sport. New York: Springer-Verlag, 1993.

WEINBERG, R. S.; GOULD, D. Foundations of sport and exercise psychology. Champaign: Human Kinetics, 1995.

WIGGINS, D. K. The history of Sport Psychology in North America. In SILVA, J. M. and WEINBERG, R. S. (eds). Psychological Foundations of Sport. Champaign: Human Kinetics, 1984.

WILLIAMS, J. M.; STRAUB, W. F. Nueva Psicologia del Deporte: pasado, presente, futuro. In WILLIAMS,  J. M. (org.). Psicologia aplicada al deporte.Madrid: Biblioteca, 1991.

Endereço: http://www.ub.edu/geocrit/b3w-373.htm

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.