Os Desafios Encontrados Pelos Deficientes Para o Ingresso nas Academias de Ginastica da Barra da Tijuca no Rio de Janeiro

Por: Andrea Teixeira Vilela, , Káryn Dias Nigueira Lima, Paulo Sérgio Pimentel de Oliveira e Victor Hugo Rodrigues do Rosário.

Revista da Associação Brasileira de Atividade Motora Adaptada - v.19 - n.1 - 2018

Send to Kindle


Resumo

O termo acessibilidade tem sido muito utilizado atualmente e consiste na possibilidade de acesso a um lugar ou conjunto de lugares. O direito à acessibilidade vem promovendo por meio de órgãos públicos ou privados, diversas mudanças nas condições de acesso a esses espaços, com a construção de rampas, adaptação dos equipamentos, mobiliário, transporte coletivo e dos sistemas e meios de comunicação e informação, permitindo aos Deficientes uma maior aproximação aos serviços prestados para a população em geral. Além disso, atualmente o comportamento sedentário tem se tornado um problema de saúde pública, evidenciando a necessidade da atividade física para a saúde. Tendo como base esse direito conquistado por essa parcela da população e a questão da saúde, o presente trabalho tem como objetivo conhecer o nível de acessibilidade em algumas academias de ginástica da Barra da Tijuca na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Para atingir o objetivo foi realizada uma pesquisa observacional nas academias da região, tendo como instrumento a Escala de Vidor. Os resultados encontrados demonstram que 60% das academias observadas apresentam rampas de acesso, 53% banheiros adaptados, 40% portas automáticas e elevadores com painel em braile, 67% rota acessível e nenhuma delas possuíam pisos adequados, balcões acessíveis e acessibilidade na web. Conclui-se que é necessário refletir sobre as condições de acessibilidade no grupo de academias observadas, bem como o incentivo a campanhas de adaptação para garantir o acesso àqueles que necessitam.

Endereço: http://www2.marilia.unesp.br/revistas/index.php/sobama/article/view/7868

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.