Os Efeitos de Um Programa de Atividades na Coordenação Motora de Crianças/adolescentes com Deficiência Intelectual Autor

Por: Beatriz Peres da Silva, Bruna Cecim Souza, Cleverton José Farias de Souza, Gabriel Cruz Correa, Jaqueline Monique Marinho da Silva, Kathya Augusta Thomé Lopes, Larissa Melo Cardoso, Minerva Leopoldina de Castro Amorim e Romina Karla da Silva Michiles.

11° Congresso Brasileiro de Atividade Motora Adaptada - CBAMA

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi analisar os efeitos de um programa de atividades motoras na coordenação motora de crianças/adolescentes com deficiência intelectual (DI). A pesquisa desenvolveu-se no Programa de atividades Motoras para Deficientes (PROAMDE). A amostra foi composta por 13 adolescentes de ambos os sexos, com faixa etária entre 12 e 17 anos, diagnosticados com DI comprovado por laudo médico. Foi utilizado a bateria de testes motores (Köperkoordinationtestfür Kinder – KTK), aplicada antes e após intervenção motora com duração de 30 semanas (60 sessões com duração de 75 minutos/dia, duas vezes por semana).De modo geral, os participantes apresentaram uma discreta melhora, alguns permaneceram com a mesma classificação, e outros atingiram o escore suficiente para mudar de “categoria”, demonstrando que o programa de intervenção aplicado exerceu um papel importante para a evolução na coordenação motora deste público.

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.