Os Reflexos do Profissionalismo do Futebol na Imprensa de São João Del – Rei (1930-1940)

Por: Kleber do Sacramento Adão e Vinicius Eduardo Leite Batista.

XVIII Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e V Conice - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo


O futebol no Brasil passou por vários momentos até se constituir profissionalmente. Com a evolução do futebol no Brasil e com a saída de alguns de seus craques, em 1933 foi implantado o profissionalismo desse esporte com o apoio do governo de Getúlio Vargas.
Assim como ocorreu nos grandes centros como Rio de Janeiro e São Paulo nas décadas de 1920 e 1930, o profissionalismo foi muito criticado pela imprensa São-Joanense no final dos anos 1930 e principalmente no inicio da década de 1940. Essas críticas se justificavam pelo fato dos clubes da cidade, os quais eram amadores, perderem seus melhores jogadores para clubes que já haviam sido profissionalizados. Entretanto com o passar do tempo a imprensa local tomou um posicionamento favorável quanto à profissionalização, em virtude da disseminação do esporte entre diversas classes sociais. Com isso, o presente resumo se propõe a discutir como se deram as discussões sobre o profissionalismo na imprensa são-joanense.
Este resumo apresenta alguns dos resultados decorrentes do projeto de pesquisa: “Nas Vertentes do Futebol”, o qual tem por objetivo principal recuperar, preservar e divulgar a memória do futebol na cidade de São João del – Rei e região, cujos primórdios remontam ao inicio do século XX. A pesquisa se deu mediante consulta nos principais periódicos locais circulantes na época, a saber: A Tribuna (1914-1938), O Correio (1926-1960) e o Diário do Comercio (1938-1965).
Ao se considerar o contexto esportivo relatado pela imprensa de São João del – Rei notamos que no futebol na cidade, assim como em todo o Brasil, o profissionalismo foi muito criticado por descaracterizar o futebol amador, onde os atletas jogavam apenas por amor a camisa. Isso ocorria em virtude do receio dos times locais em perderem seus melhores jogares para clubes profissionais de maior porte. Entretanto, com a crescente disseminação do esporte pelas diferentes camadas sociais, foi questão de tempo para que o futebol profissional caísse nas graças da população e da imprensa, deixando – as cada vez mais entusiasmadas com as novas condições desse esporte.
 

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.