Overtraining em Atletas de Alto Nível: Uma Revisão Literária

Por: Dietmar Martin Samulski e L o P Costa.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.13 - n.2 - 2005

Send to Kindle


Resumo

O overtraining tornou-se um problema significativo no esporte de alto nível, abreviando carreiras promissoras. Portanto é importante que os profissionais e demais envolvidos no desempenho esportivo entendam melhor os sintomas e as causas de overtraining e aprendam estratégias para ajudar a reduzir a probabilidade de sua ocorrência, sendo assim, os objetivos desta revisão são: conceituar overtraining em seus diferentes contextos e mostrar seus indicadores e tipos, correlacionar estresse, recuperação e overtraining, freqüência e evidências atuais de overtraining no esporte, além do tratamento e recomendações preventivas. Conclui-se por esta revisão que o mecanismo que conduz o overtraining ainda é incerto e altamente discutido na literatura, além disso, pode-se observar que apesar de haverem um grande número de artigos sobre os indicadores desta síndrome, somente dois indicadores são sensíveis: queda do desempenho esportivo e desequilíbrio psicológico que, por sua vez, pode ser medido pelo perfil de humor ou pelo estado de estresse e recuperação. A incidência de overtraining em atletas de alto nível tem aumentado consideravelmente e sugere-se por esta revisão que mais estudos devem ser realizados no intuito aprimorar o treinamento, assim como aprimorar o controle psicológico

Endereço: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/633/644

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.