Papel do Conteúdo Curricular Dança na Formação do Licenciado em Educação Física

Por: Renata Aparecida Miyabara.

2010 16/12/2010

Send to Kindle


Resumo

Nesta pesquisa mostro a Dança como uma das mais antigas manifestações de expressão corporal, que nasceu da necessidade que o homem tinha de se comunicar com o mundo e de se expressar. Priorizei a resposta para as seguintes questões: a formação oferecida nos cursos de Licenciatura em Educação Física abarca conteúdos, metodologias, didáticas e estratégias suficientes para que o professor inclua as atividades de Dança em suas aulas nas escolas com segurança? E como os docentes nesses cursos de formação se posicionam a esse respeito? Procuro mostrar a Dança como linguagem corporal, bem como numa perspectiva educacional, a expressividade acompanhada do ritmo; valorizando a experiência trazida pelo aluno, aprimorando-a e transformando-a em Dança ao alcance de todos. A presente pesquisa que tem por objetivo: refletir sobre o papel do conteúdo curricular Dança na formação do licenciado em Educação Física. Este estudo trata de uma pesquisa do tipo descritiva, com enfoque qualitativo, além de uma análise documental das matrizes curriculares das dez Universidades da cidade de São Paulo que oferecem o curso de Licenciatura em Educação Física. Foi realizada entrevista semi-estruturada, com sete docentes dos cursos que oferecem o conteúdo dança em suas grades. Utilizou-se procedimentos de análise de conteúdo, realisados através da transcrição dos depoimentos, releitura das transcrições, análise de significados, agrupamento do conteúdo por temas e categorias, síntese e integração para atribuição de significados e finalmente a interpretação dos dados. Ao concluir essa pesquisa, constatamos que, das dez Universidades da capital de São Paulo, que oferecem o curso de licenciatura em Educação Física, três delas não contemplam o componente curricular Dança em suas matrizes curriculares. O conteúdo trabalhado nas diversas disciplinas do componente prioriza vivências corporais ao alcance de todos. Averiguou-seque o egresso passa por formação que lhe dá suporte para a inclusão do componente em suas aulas, porém os entrevistados acreditam que isso não ocorre na prática. Sugere-se a necessidade de novas pesquisas nessa temática, visando uma maior compreensão do assunto.

Endereço: http://www.usjt.br/biblioteca/mono_disser/mono_diss/2011/156_miyabara.php

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.