Para Começo de Conversa ... o Fenômeno Esporte: Um Entrecruzamento de Movimentos Espetaculares

Por: .

Educação Física Escolar e Esporte de Alto Rendimento: Dá Jogo?.

Send to Kindle


Resumo

As linhas que seguem foram escritas no calor dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos “Rio 2016”. Não são necessários muitos esforços para expressar como o empreendimento olímpico vem tomando a cena nacional e global. Nesse intercurso, fui incumbido de elaborar o texto inicial do presente livro e tomar parte de programas de debates em canais televisivos para discutir a função social do esporte. As tarefas são instigantes e desafiadoras em face do objeto da nossa pretensão discursiva, ou seja, abordar um dos fenômenos mais relevantes e complexos da contemporaneidade.

Ao escrever a palavra “Esporte”, doravante, o farei utilizando a letra maiúscula por admitir que estamos diante um fenômeno sociocultural relevante, constituído por especificidades e dimensões que nutrem sua inconteste polissemia (multiplicidade e alteridade prática/simbólica) e, portanto, a inexorável “polifonia esportiva”. No entrecruzamento das vozes e das corporeidades que perpassam as cenas esportivas, são infindáveis os interlocutores que protagonizam os movimentos e práticas que caracterizam o Homo Esportivus. As polimorfias (múltiplas formas) inerentes às modalidades esportivas são manifestações antropológicas do Homo Ludens, ou seja, do potencial humano para criar e reinventar a si e sua própria humanidade.

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.