Percepção de Competência Profissional: o Caso dos Professores de Educação Física

Por: e Luciane Costa.

XI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo descritivo foi analisar a percepção de competência
profissional dos professores de educação física. Além disso, buscou-se
comparar a competência percebida entre os professores que realizaram a
fo rma ç ã o i n i c i a l em E d u c a ç ã o F í s i c a em mome n t o s d i s t i n t o s n a
Universidade Estadual de Maringá/UEM, sendo a primeira uma formação
mais antiga baseada na Resolução 69/CFE/69 e a segunda mais recente
baseada na Resolução 03/CFE/87. Pa rticiparam da investigação 63
professores de educação física do ensino fundamental, sendo 46 professores
de escolas estaduais e 17 professores de escolas particulares. Destes, 35
professores possuíam formação mais antiga (Resolução 69/CFE/69) e 14
professores possuíam uma formação mais recente (Resolução 03/CFE/
87). Para a avaliação da percepção de competência profissional utilizou-se
como instrumento a Escala de Competência Profissional Percebida em
Educação Física. Na análise dos dados foram empregados os recursos da
estatística não-paramétrica (análise de variância de Kruskall-Wallis e prova
U de Mann-Whitney) contidos no programa SPSS. Os resultados apontaram
que não houve diferenças significativas em relação a competência percebida
entre os professores das escolas estaduais e particulares e também entre
aqueles que haviam re a l i z ado a s u a forma ç ão ini c i a l em c u rrículos
diferenciados. Observou-se ainda que os professores se percebem mais
competentes no domínio das habilidades profissionais do que no domínio
de conhecimentos.

Endereço: http://citrus.uspnet.usp.br/eef/uploads/arquivo/71_Anais_349.pdf

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.