Percepção das Aulas de Educação Física Por Adolescentes de Alto índice Socioeconômico

Por: , Danilo Sales Bocalini e Roberta Luksevicius Rica.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.24 - n.3 - 2016

Send to Kindle


Resumo

As percepções sobre a aula de Educação Física foram avaliadas em 93 adolescentes de acordo com o nível de atividade física. Os resultados indicou que meninos são mais ativos que meninas, que ambos os grupos possuem percepção positiva sobre a aula de educação física, os avaliados dizem gostar, sentem vontade em participar e consideram as aulas importantes além de serem estimulados pelos pais e professores a frequentar a aula, contudo, apenas o amigo exerce influência como fator motivacional para a prática de educação física escolar. Por outro lado, adolescentes inativos dizem ser obrigados a participar das aulas. Com o resultado do presente estudo é possuir considerar que adolescente de alta classe socioeconômica possui percepção positiva da disciplina de Educação Física.

Endereço: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/139

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.