Percepção dos Jogadores Sobre os Factores de Liderança dos Técnicos de Futebol da Cidade de Maputo

Por: Eugenio Chongo, Paulo Tiberio Saveca e Vicente Alfredo Tembe.

XVI Congresso de Ciências do Desporto e Educação Física dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Este estudo procurou analisar a percepção dos jogadores de futebol da cidade de Maputo sobre o comportamento de liderança dos técnicos que os orientam. A amostra do estudo foi constituída por respostas de 74 futebolistas com idade compreendida entre 18 a 38 anos assistidos por 9 técnicos. No estudo foi aplicada a Escala de Liderança no Desporto (ELD) utilizado nos estudos de Brandão & Carchan (2010) e de Sonoo et al (2008). Os resultados demonstram que os indicadores da escala apresentam valores de alfa de cronbach bastantes consistentes na ordem de 0,89 e ao nível das dimensões na ordem mínima de alfa de cronbach de 0,67 e máxima de 0,92. Ainda os resultados demonstram que a percepção dos jogadores é de que os técnicos de futebol utilizam a dimensão autocrático na ordem de uma M±DP=3,1±1,63, dimensão democrática na ordem de uma M±DP=2,76±1,49, suporte social na ordem de uma M±DP=2,7±1,52, treino instrução na ordem uma M±DP =2,38±1,47 e reforço (Feedback positivo) na ordem de um±DP=2.17±1.39. O estudo demonstrou que os jogadores de futebol da cidade de Maputo têm a percepção de que os técnicos, que os orientam, são dominados por uma liderança autocrática.

Endereço: http://www.fade.up.pt/rpcd/entradaPT.html

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.