Perfil Antropométrico e da Composição Corporal de Atletas Amadores de Handebol Masculino de Minas Gerais a Partir da Função Desempenhada no Jogo

Por: A. C. Silva, A. S. Oliveira, Everton Rocha Saores e K. G. L. Oliveira.

XIV Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Objetivos:
O presente estudo objetivou delinear e comparar de forma descritiva o perfil antropométrico e da composição corporal de atletas de handebol masculino (24,8 ± 4,8 anos; n=34) participantes da etapa final do Campeonato Mineiro de Handebol de 2010.

Métodos e resultados:
O perfil antropométrico e da composição corporal dos atletas foi caracterizado a partir das funções desempenhadas no jogo e comparado com atletas amadores e de alto nível. Foram analisadas as variáveis: massa corporal (MC), estatura (ES), envergadura (ENV), massa corporal magra (MCM) e percentual de gordura (%G). Entre todas as variáveis avaliadas entre os atletas do presente estudo, observamos diferenças significativas apenas para a ES e ENV dos pontas, que foi menor do que a ES e ENV dos armadores. Além disso, observamos que as variáveis antropométricas e de composição corporal dos atletas mineiros são inferiores ao recomendado para atletas de alto nível. No entanto, o grupo de armadores do presente estudo apresentou valores antropométricos e de composição corporal mais próximos aos valores antropométricos e de composição corporal encontrado em atletas de alto nível.

Conclusão:
Concluímos que o perfil antropométrico e da composição corporal dos atletas amadores mineiros foi semelhante a outros atletas amadores e inferiores ao de atletas de alto nível, com exceção do grupo de armadores mineiros que apresentaram valores antropométricos e de composição corporal semelhantes aos atletas de alto nível.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.