Perfil de Componentes de Aptidão Física Relacionada à Saúde em Praticantes de Futsal e Basquetebol

Por: Claudio Marcelo Tkac, Dênis de Lima Greboggy, Elton Franzoi Coutinho e Fernando Richardi da Fonseca.

XI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Introdução: a aptidão física relacionada à saúde engloba componentes que
afetam a qualidade da saúde do indivíduo (BARBANTI, 1990), e vem sendo
motivo de pesquisa no âmbito dos esportes coletivos. Entre os fatores que
compõem a aptidão física relacionada à saúde, foram evidenciados neste
e s t udo a fl ex ibi l idade e a for ç a abdomina l , ine rent e s à pr á t i c a da s
modalidades esportivas futsal e basquetebol. Objetivo: verificar o nível de
flexibilidade e força abdominal em praticantes de futsal e basquetebol.
Método: a amostra foi composta por 38 jovens do sexo masculino com
idades entre 11 e 16 anos. Destes, 19 praticantes de basquetebol e 19 de
futsal em um clube na cidade de Curitiba/Pr. Para a avaliação do nível de
flexibilidade foi utilizado o teste de flexão do tronco à frente em posição
sentada e, para a mensuração da força abdominal foi utilizado o teste de
flexão do tronco à frente a partir da posição deitado, ambos testes
int eg rant e s da bat e r i a EUROFIT (CO N S E L H O D A EURO PA, 1990). O
tratamento estatístico adotado foi a estatística descritiva, com os dados
analisados através do software SPSS_11.0. Como Critério de Referência
para a tabulação dos dados da Bateria de Testes Eurofit, foi utilizado o
percentil 50 (P50), que de acordo com MORROW JUNIOR (2003), em 1980 o
AAHPERD, publicou um artigo, com normas de percentil, onde crianças
que ficaram aba i xo do percentil 50 (P50) em um ou mais testes, é
considerada fraca e encorajada a treinar para atingir aquele nível. Resultados:
para os praticantes do basquetebol, a média obtida para o teste de
flexibilidade foi de =18,95 (±8,12), apresentando média em percentil igual
a P33,00. No teste de força abdominal, a média obtida pelos praticantes de
basquetebol foi de =25,26 (±5,78), com média em percentil igual a P38,00.
Os praticantes de futsal obtiveram média =14,68 (±7,98) no teste de
flexibilidade, apresentando média em percentil igual a P28,00. No teste de
força abdominal, a média obtida pelos praticantes de futsal foi de =23,84
(±6,96), apresentando média em percentil igual a P41,00. Considerações
finais: Nota-se que tanto os praticantes de basquetebol quanto os de futsal
obtiveram médias consideradas baixas em relação aos componentes de
flexibilidade e de força abdominal relacionados à saúde, fato que pode
estar relacionado com um possível enfoque maior durante as sessões de
treino relacionado aos aspectos da aptidão física voltada para a performance
do esporte

Endereço: http://citrus.uspnet.usp.br/eef/uploads/arquivo/66_Anais_p303.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2017 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.