Perfil da Aptidão Física em Crianças e Adolescentes com Deficiência Intelectual Autor

Por: Bruna Cecim de Souza.

11° Congresso Brasileiro de Atividade Motora Adaptada - CBAMA

Send to Kindle


Resumo

A Deficiência Intelectual (DI) é representada por limitações significativas no funcionamento intelectual (aprendizagem) como também no comportamento adaptativo (tempo, responsabilidade social e cuidados pessoais) e pode se manifestar até os 18 anos de idade. Dessa forma, o objetivo do estudo foi analisar o perfil dos níveis de aptidão física relacionada à saúde de crianças e adolescentes com DI participantes do Programa de Atividades Motoras para Deficientes (PROAMDE). A amostra foi composta por 13 crianças e adolescentes. O instrumento utilizado foi o PROESP-BR que propõe avaliar o crescimento corporal e a aptidão física relacionada à saúde e ao desempenho esportivo de crianças e adolescentes com idade entre 7 e 17 anos. As variáveis avaliadas foram:Resistência Muscular Localizada (RML), Flexibilidade (FLE), Aptidão Cardiorrespiratória (ACR), Relação Cintura e Estatura (RCE) e Índice de Massa Corporal (IMC). Os resultados obtidos dos testes mostraram que as maiorias dos avaliados encontram-se na Zona de Risco para as variáveis de RML e FLE, para a RCE e IMC encontram-se na Zona Saudável. Conclui-se que os participantes do programa precisam se exercitar continuamente, buscando uma vida mais saudável, pois às atividades motoras trazem melhorias para a aptidão física dos mesmos.

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.