Perfil das Práticas Físicas, Orientações e Interesses dos Diabéticos Ingressamtes no Programa de Atividades Físicas Para Diabéticostipo 1 (proafidi1) da Faculdade de Educação Física da Universidade de Brasília

Por: Jane Dullius.

IX Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Atividade física (AF) personalizada é parte importante no tratamentoda diabetes mellitus (DM) e deveria ser orienta dapor profissional de educação física especialmente qualificado, em vista das inúmeras interferências e especificidades que este trabalho de nota sobre o equilíbrio da saúde dos indivíduos diabéticos. ADM atinge cerca de 2 a 5% da população total, sendo a incidência dotipo 1 mais freqüente em indivíduos jovens, atingindo cerca de 0,1a 0,4% da população. É uma síndrome crônica que interfere no metabolismo de carboidratos, proteínas e lipídios, sendo a AF fator essencial para a melhoria da qualidade de vida, interferindo sobre os índices glicemicos e colaborando para reduzir a possibilidade do aparecimento de complicações. No entanto, pouca atenção tem sido dada às pesquisas, publicações e prescrições individualizadas, levando-se em consideração as características particulares de cada um dos diabéticos tipo 1, como sua idade, interesses, nível de condicionamento, condições clínicas etc.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.