Perspectivas de Gestão Participativa do Setor de Esporte e Lazer da Administração Municipal de Vitória-es

Por: e Marcel Ivan dos Santos.

XVIII Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e V Conice - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

Este estudo investigou os planejamentos e execuções de políticas de Esporte e Lazer desenvolvidas na gestão da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer de Vitória-ES (SEMESP) no período de 2005 a 2012, buscando explicações para o aparente distanciamento do modelo de gestão pautado na participação cidadã. Trata-se de um estudo qualitativo, a partir da pesquisa documental e entrevistas referentes à gestão da SEMESP e suas possíveis parcerias, sobretudo com o Conselho Municipal de Esporte (COMESP). Para tabulação dos dados a técnica utilizada foi à análise de conteúdo de Bardin (2009). Assim, um dos principais fatores apontados para que a gestão do esporte e lazer na cidade Vitoria se afaste da perspectiva de gestão social é maior presença de um discurso esportivista que se cunhava na formação de atletas e no esporte de alto rendimento, bem como a ausencia do interesse coletivo pela apropriação do esporte e lazer enquanto direito. Por outro lado, é possível afirmar que apesar destas incongruências o setor de esporte e lazer têm avançado no intuito de promover acesso destas práticas aos cidadãos.

Palavras-chave


 

Endereço: http://cbce.tempsite.ws/congressos/index.php/conbrace2013/5conice/paper/view/5429

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.