Pico de Velocidade de Crescimento em Antropometria e Composição Corporal de Escolares

Por: Edilson Hobold, Lucinar Jupir Forner Flores, Miguel de Arruda, Oldemar Mazzardo Junior e .

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.19 - n.3 - 2017

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi analisar a idade do PVC, variáveis antropométricas e composição corporal de estudantes da região do extremo oeste do Paraná. Participaram do estudo 1.011 escolares do sexo masculino de 12 a 15 anos de 11 municípios localizados no entorno do lago de Itaipu. As variáveis antropométricas e de composição corporal foram obtidas seguindo os critérios internacionais. A maturação biológica foi determinada pela idade do PVC e para efeito de descrição e análise foi categorizada em estratos. Os resultados reforçam, conforme esperado, uma crescente evolução das variáveis analisadas à medida que os escolares avançaram na maturação. Sendo assim, concluímos que com o avanço da maturação as variáveis antropométricas mantêm um crescimento linear que é observado em cada estrato do PVC. Este comportamento linear não é observado na composição corporal. O percentual de gordura apresenta uma diminuição de seus valores médios principalmente na proximidade do PVC.

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/1980-0037.2017v19n3p309

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.