Planejamento de UCS em um Grande Centro Urbano: Parques Naturais Municipais de São Paulo

Por: Bertholdo Maurício da Costa, César Juliano S. Alves, Gustavo Lopes Santos, Julia Teixeira Machado, Luis Henrique Flórido Pereira, Reinaldo Pacheco e Sidnei Raimundo.

XXIII ENAREL - Encontro Nacional de Recreação e Lazer

Send to Kindle


Resumo

O presente artigo apresenta os principais aspectos do planejamento do uso público em quatro novos parques naturais municipais que estão em processo de criação, no município de São Paulo, a saber: Parque Natural Municipal de Bororé, da Varginha, do Itaim e do Jaceguava. Dá-se destaque no presente trabalho aos dois primeiros parques – Bororé e Varginha. Produto de compensação ambiental, essas UCs estão inseridas em uma região caracterizada pela escassez de serviços públicos básicos, como saúde, educação, transporte, lazer e esporte. Desta forma, as UCs serão objeto de grande pressão por uso público. A partir da observação, embasada na teoria da interpretação das culturas de Geertz (2001) e também de entrevistas semiestruturada com atores-chave das comunidades do entorno das novas UCs,pôde-se identificar as principais práticas de lazer e turismo dos moradores da região, assim como as dificuldades encontradas para que possam desfrutar seu tempo livre na região. Nesse sentido, o objetivo do trabalho é compatibilizar as aspirações de lazer das comunidades com as ações de conservação ambiental dos parques.

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.