Política e Formação: o Programa Esporte e Lazer da Cidade no Distrito Federal e Entorno

Por: .

2009 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

Esta dissertação de mestrado trata do tema Política e Formação: o Programa Esporte e Lazer da Cidade no DF e entorno. Assim, considerando o desenho e a execução de políticas sociais no contexto do Estado neoliberal, tratando-se especificamente de programas sociais, como o PELC do Ministério do Esporte, podemos questionar como se materializaria, em termos de avanços e limites, a política de formação de trabalhadores do lazer do PELC no DF e entorno? O objetivo geral é identificar os avanços e limites da política de formação, compreendida como uma ação do PELC, situada no quadro das políticas sociais no âmbito federal. Especificamente, pretende-se descrever e analisar a política de formação do PELC, bem como o perfil dos sujeitos que atuam nos núcleos de esporte e lazer. Visando alcançar os objetivos propostos, a pesquisa teve como delineamento o estudo de caso, cuja unidade de análise foi o PELC no DF e entorno, com foco na política de formação dos trabalhadores do lazer, conforme as etapas a seguir: (a) Levantamento bibliográfico; pesquisa documental; e (c) trabalho de campo. A análise dos dados coletados compreendeu três âmbitos: (a) análise documental; (b) análise das falas dos sujeitos; e (c) a análise dos questionários. Em relação ao quadro teórico foi realizado um levantamento bibliográfico onde ocorreu a fundamentação teórica sobre as categorias: Estado, políticas sociais, lazer, trabalho e formação. Os autores debatidos foram, entre outros: Behring (2003); Suassuna et al (2007); Padilha (2000 e 2006); Liáo Junior (2003); Lafargue (1980); Dumazedier (2000); Silva & Silva (2003); Melo & Alves Júnior (2003); Meszáros (2004 e 2007); Mascarenhas (2004); Antunes (2000 e 2006); Lanjoquière (1993); Frigotto (1996); Nóvoa (1997); Tardif (2002); Bracht et al (2004); Gasparin (2007); Freire (1996 e 2005) e Saviani (2003 e 2008). As considerações retratadas no trabalho tratam do entendimento do lazer como tempo e espaço educativo e que encontra no agente comunitário de esporte e lazer do PELC a função de mediador e educador social. A pesquisa aponta que os investigados apresentam uma visão acerca dos saberes necessários a sua prática profissional. Apesar da boa avaliação da política de formação do PELC, o estudo apresenta proposições para o seu aperfeiçoamento. 

Endereço: http://repositorio.unb.br/handle/10482/4237

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.