Política Pública e Qualidade de Vida: Um Estudo Sobre os Grupos de Ginástica da Prefeitura Municipal de Valinhos - Sp

Por: Caroline Giolo de Melo.

197 páginas. 2019 18/04/2019

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo objetiva analisar a influência da atividade física regular orientada, enquanto vertente da política pública de esporte e lazer, na qualidade de vida das praticantes, por meio de uma pesquisa-ação nos grupos de ginástica da Secretaria de Esportes e Lazer da Prefeitura Municipal de Valinhos - SP. Participaram da pesquisa, 244 alunas, na faixa etária de 35 a 74 anos de idade. Para coleta dos dados, utilizou-se a combinação de abordagem qualitativa e quantitativa, sendo que o principal enfoque ocorreu na análise qualitativa. Quantitativamente, utilizou-se o Instrumento de Avaliação da Qualidade de Vida da Organização Mundial da Saúde versão abreviada (WHOQOL bref), objetivando caracterizar a qualidade de vida das alunas, e qualitativamente, realizou-se uma sessão de grupo focal em duas turmas selecionadas utilizando-se o critério de classe social em situações inversas, com o objetivo de identificar, prioritariamente, os motivos de adesão e permanência das alunas nos grupos de ginástica, bem como, entender o significado dessa participação para elas, entender os pontos fortes e fracos da modalidade ginástica, enquanto política pública municipal, identificar o que significa qualidade de vida para as alunas e se elas utilizam outros equipamentos de esporte e lazer ou se realizam outras atividades físicas orientadas ou autônomas, nessa etapa, participaram apenas 20 alunas, com faixa etária de 44 a 65 anos. Em análise dos resultados, verificou-se que nos dois grupos a adesão ocorreu principalmente por indicação de alunas já praticantes ou por indicação médica, também se constatou que em ambos os grupos, o principal motivo de permanência das alunas é o entendimento do momento aula de ginástica enquanto um espaço de sociabilização, transformando a participação nas aulas em um momento de encontro e trocas, bem como na possibilidade de sair de casa, fazer novas amizades, conversar com pessoas diferentes, distrair-se e pertencer a um grupo. Em segundo plano, também objetivam cuidar da saúde física e psicológica. Dessa forma, pode-se perceber que para as alunas, participar das aulas de ginástica representa principalmente um momento de lazer, e este se constitui um importante dispositivo de promoção da saúde, prioritariamente por seus benefícios psicológicos. Para finalizar, pode-se dizer que o principal significado para as alunas de ginástica do bairro Morada do Sol é que o grupo representa uma família e para as alunas de ginástica do Jardim Pinheiros, um momento de trocas e sociabilização, e em ambos os grupos, o seu significado para as praticantes influencia positivamente na qualidade de vida, por intermédio dos benefícios psicossociais proporcionados pela prática de atividade física orientada em grupo, e apesar das diferenças socioeconômicas refletirem nas oportunidades de vivências em atividade física desde a infância até o momento atual, os critérios para adesão e permanência no grupo de ginástica foram similares nos dois bairros

Endereço: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/100/100139/tde-10062019-104839/pt-br.php

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.