Políticas Públicas de Lazer na Amazônia (Belém, Pará)

Por: Juliana Azevedo Hamoy, Kassia Suelen da Silva Farias, , Silvio José de Lima Figueiredo e Thiliane Regina Barbosa Meguis.

Licere - v.20 - n.3 - 2017

Send to Kindle


Resumo

Esse estudo objetiva discorrer sobre as Políticas Públicas de Lazer na Amazônia (Belém-Pará). A pesquisa é de cunho qualitativo, exploratório, com levantamento bibliográfico, a partir de produções disponíveis da área. Na pesquisa local, utilizaram-se estudos de Lima et al. (2011), Bahia (2014), sitesdas Secretarias (Estadual/SEEL e Municipal/SEJEL) e análise de programas, projetos e ações de lazer de Belém, com análise de conteúdo (BARDIN, 2006). Percebeu-se que a SEJEL demonstra preocupação em despertar uma visão crítica das vivências do lazer, com acesso a uma diversidade de conteúdos. Por outro lado, os objetivos da SEEL demonstraram pouca diversidade no acesso aos conteúdos, revelando que as propostas convergem para práticas físico-esportivas. De forma geral, as Políticas Públicas de Lazer das Secretarias não são suficientes para o acesso da população de Belém. 

Endereço: https://seer.ufmg.br/index.php/licere/article/view/9625

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.