Políticas Públicas de Promoção da Saúde e da Atividade Física: Programas e Ações Realizadas no Município de Maringá-pr

Por: Majorie Catherine Capdeboscq.

2014 28/02/2016

Send to Kindle


Resumo

 A década de 1970 foi marcada pela Reforma Sanitária que teve como objetivo construir novos valores e consciência na sociedade brasileira tendo a saúde como eixo de transformação da sociedade. Essa Reforma culminou posteriormente na criação do Sistema Único de Saúde (SUS) por meio da Constituição Federal de 1988, na qual o Estado assume como objetivo principal a redução das desigualdades sociais, a promoção do bem de todos e a construção de uma sociedade solidária sem quaisquer formas de discriminação. O SUS é uma política de Estado utilizada para melhorar a qualidade de vida dos brasileiros, assim políticas públicas voltadas à produção de saúde possibilitam responder às necessidades em saúde. Evidências já revelaram associação positiva entre hábitos de vida saudáveis e longevidade com saúde, nesse contexto, o sedentarismo é um grande problema de saúde pública o que torna a atividade física uma ferramenta eficaz para a promoção e cuidados gerais com a saúde. Com a disseminação da Rede de Municípios Potencialmente Saudáveis (RMPS) a prefeitura de Maringá/PR implantou o Programa Maringá Saudável (PMS) que desde 2006 realiza ações de promoção e prevenção em saúde. Este estudo teve como objetivo analisar as políticas de promoção da saúde na cidade de Maringá e a inserção das práticas corporais/atividade física nessas políticas públicas. O estudo foi realizado por meio da análise documental realizada em relatórios anuais, existentes nos registros gerenciais e administrativos referentes às ações de promoção da saúde na Secretaria Municipal de Saúde (SMS) lotados na Gerência de Promoção e Prevenção em Saúde. Os documentos utilizados para análise foram levantados no período de 2006 a 2012, ou seja, desde implantação do Programa. A partir da análise dos dados nota-se certa diversidade nas ações de promoção da saúde destaca-se o trabalho intersetorial e os encontros chamados de Espaço Saúde. Nota-se ainda que apesar de tantos documentos normativos criados pelo Ministério da Saúde, da comprovação científica dos benefícios da atividade física e ainda a ênfase dada a políticas públicas voltadas a promoção da atividade física na Política Nacional de Promoção da Saúde (PNPS), poucas ações voltadas a esta área foram realizadas no período analisado.

Endereço: http://nou-rau.uem.br/nou-rau/document/?code=vtls000215228

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.