Políticas Públicas de Esporte e Lazer no Brasil e Possibilidades de Intersetorialidade

Por: Beatriz Ruffo Lopes, , , Renato Rangel e Sandra Aparecida Zotovici.

Licere - v.16 - n.2 - 2013

Send to Kindle


Resumo

Este ensaio discorre sobre a trajetória das políticas públicas de esporte e lazer no Brasil e suas potencialidades para a intersetorialidade, bem como aponta as especificidades da realidade brasileira inerentes aos programas já existentes, a partir de uma leitura crítica da literatura disponível na área de educação física e ciências políticas. Tal intuito deu-se por um percurso histórico que recorreu a fatos da primeira Era Vargas até o Governo Lula, atrelados a apontamentos decorrentes de incursões pela literatura e de análises relacionadas às políticas públicas de esporte e lazer e políticas intersetoriais. Ante o investigado, aponta-se a intersetorialidade como perspectiva que pode dinamizar investimentos e atitudes que venham a priorizar o direito ao esporte e lazer como bem cultural.

Endereço: http://www.anima.eefd.ufrj.br/licere/sumario.html?ed=37

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.