Praticas Esportivas: Espaços da Subjetivação Urbana

Por: ,lucio Canabarro Canabarro, Aline da Cunha, Fernando Gutierrez, Luiz Carlos Rigo, Michele Figueiredo e Viviane Silveira.

VIII Congresso Brasileiro de História da Educação Física, Esporte, Lazer e Dança - CHELEF

Send to Kindle


Resumo


Este estudo caracteriza-se enquanto uma análise situada no campo da historiografia do Esporte Moderno. Ao tomar como recorte temporal os anos 50 do século passado, visamos analisar certas continuidades e rupturas sócio – culturais presentes na cultura esportiva da cidade de Pelotas, RS, destacando algumas singularidades referentes as “modalidades” esportivas (futebol, turfe e esportes aquáticos) que exerceram maior impacto cultural na cidade naquela época. Pela maneira que nos propomos tratar a temporalidade, sem recorrer a análises cronológicas, a memória em sua dimensão ampla e multifacetada, constitui-se no principal eixo teórico-metodológico. Nesse texto a referência empírica predominante será a Revista dos Esportes, — periódico local mensal que circulou na região entre os anos de 1948 á 1958 atingindo mais de 100 exemplares
 

Endereço: http://cev.org.br/eventos/viii-congresso-brasileiro-historia-da-educacao-fisica-esporte-lazer-danca

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.