Prevalência de Dor nas Costas e Fatores Associados em Escolares do Ensino Fundamental de Uma Escola Militar: Um Estudo Transversal

Por: Cláudia Tarragô Candotti e Marja Bochehin do Valle.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.24 - n.2 - 2016

Send to Kindle


Resumo

Os maus hábitos posturais podem ser responsáveis pela alta prevalência de dor nas costas e de alterações posturais de escolares. Objetivou-se verificar a prevalência de dor nas costas em escolares do Ensino Fundamental de uma escola militar do município de Porto Alegre- RS e verificar a associação com fatores demográficos, comportamentais, socioeconômicos e hereditários. Foram avaliados 76 escolares das 6a e 8a séries, utilizando o questionário BackPEI. Foi realizada estatística descritiva e o cálculo das Razões de Prevalência com IC de 95% (?=0,05). A prevalência de dor nas costas de 65,8% está associada com o tempo assistindo televisão (0 a 3 horas foram 60,4%, de 4 a 5 horas e de 8 ou mais horas foram ambos com 100% relatos de dor), com o tempo de sono (0 a 7 horas foram de 69,7%, de 8 a 9 horas foram de 59,4% e 10 horas ou mais de 100%) e sentar em um banco (25% sentam adequadamente e 70,8% inadequadamente). Embora não tenham sido encontrados valores significativos ao associar a dor nas costas com as demais variáveis, salienta-se a importância da prática de exercícios físicos regulares e do modo de trasportar a mochila escolar. A realização de avaliações posturais é importante para identificar os fatores de risco a fim evitar as dores nas costas ainda na infância. Este estudo evidencia alta prevalência de dores nas costas entre os escolares associada com: tempo ao assistir televisão, horas de sono por noite e postura utilizada ao sentar em um banco.

Endereço: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/5206

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.