Prevalência e Fatores Associados Ao Estado Nutricional de Universitárias Ingressantes em Florianópolis, Sc.

Por: Francisco de Assis Guedes de Vasconcelos e Larissa da Cunha Feio Costa.

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.15 - n.3 - 2013

Send to Kindle


Resumo

O ingresso no meio universitário proporcionaa adoção de novos comportamentos, que podem repercutir na saúde dos estudantes.O objetivo do presente estudo foi avaliar o perfil e fatores associados ao estado nutricional de universitárias ingressantes em uma universidade pública de Florianópolis, SC. As variáveis sociodemográficas e comportamentais foram obtidas por meio de entrevista com aplicação de questionário estruturado. O estado nutricional foi avaliado com base no índice de massa corporal, circunferência da cintura e percentual de gordura corporal. Os dados de consumo alimentar foram obtidos por meio da aplicação de inquérito recordatório alimentar de 24 horas. O teste Qui-quadrado de Pearson foi aplicado para selecionar as variáveis independentes associadas ao índice de massa corporal. A taxa de resposta obtida no presente estudo foi de 86,6%, totalizando a participação de 220 universitárias. As estudantes, em maioria, eram adolescentes (57,7%), residiam com os familiares (69,5%), eram sedentárias (55,9%) e eutróficas (72,3%). A prevalência de baixo peso foi de 15,9%, enquanto a de excesso de peso foi de 11,8%. O desjejum foi a refeição principal de maior omissão entre as universitárias (16,9%) e a maioria delas (79,0%) apresentou consumo energético inferior a2.200 quilocalorias. O consumo energético foi a única variável associada, inversamente, com o estado nutricional (p= 0,0358). Faz-se necessária aimplantação de medidas educativas de saúde na universidade, a fim deestabelecer hábitos de vida e de alimentação saudáveis.

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/1980-0037.2013v15n3p326

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.