Prevenção de Lesões em Praticantes de Crossfit: Uma Proposta de Intervenção Fisioterápica Para o Complexo do Ombro

Por: Yuri Augusto Junqueira Belem Silva.

63 páginas. 2015 01/12/2015

Send to Kindle


Resumo

O Crossfit é um programa de condicionamento físico cujos gestuais esportivos realizados com os membros superiores podem ser executados em posições de extrema flexão, abdução e rotação interna de ombros. Em conjunto com a elevada carga de treinamento, estes gestuais podem predispor os tecidos que circundam essa articulação à sobrecarga e, consequentemente a danos1. O complexo do ombro, dos praticantes de Crossfit, é a região do corpo mais afetada por lesõesmusculoesqueléticas1, 2, 3, 4. A realização de atividades voltada a prevenção de lesões nos ombros decorrentes da prática esportiva é relativamente comum. Embora, não tenha sido encontrado nenhum trabalho que abordasse estratégias para a redução de lesões dos ombros específicas ao Crossfit. Os atletas de levantamento, ginasta, entre outros apresentam similaridades no gestual esportivo com o Crossfit. Nesses esportes os movimentos realizados com os membrossuperiores são realizados em posições acima de 90º. Assim podem apresentar mecanismos de lesões semelhantes. Portanto, uma revisão na literatura foi realizada em diversas bases de dados, como PEDro e Medline utilizando os seguintes termos para busca: shoulder ou overhead e injury(ies) para a busca em língua inglesa e lesão(es) e ombro para a busca em português. A partir dessa pesquisa, osprincipais fatores causais e preventivos de patologias nos ombros nesses esportes foram estabelecidos. Ao todo 273 estudos estavam de acordo com os critérios de inclusão. Desses estudos, 250 (91,6%) foram eliminados por não relatarem, estritamente, os fatores que predispõem os ombros a lesões de origem não traumática e sua prevenção. Nos 23 (8,4%) estudos restantes que atenderam oscritérios de inclusão foram identificados os principais fatores que predispõem à lesões e suas respectivas estratégias utilizadas para reduzir essa ocorrência. Após analisa-los, três grandes grupos que englobam os principais fatores causais podem ser identificados: 1) fatores cinemáticos, que engloba os movimentos repetitivos, gestual esportivo e discinesia escapular. 2) fatores cinéticos que engloba o aumento de força, resistência a fadiga e correção nos padrões de ativação. 3) fatores estruturais que engloba a limitação de rotação interna e instabilidade articular. A correção dos fatores estruturais, da discinesia escapular e das alterações presentes na cadeia cinética foram as principais medidas recomendas para a prevenção de lesões nessa região. Baseado nesses resultados foi sugerido um programa de intervenção fisioterápica. Programa esse, que identifica os fatores de risco para lesão nos ombros e propõe exercícios para sua correção e prevenção.

Endereço: http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/handle/1843/BUBD-A8RM73

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.