Problemas de Comportamento, Coping da Hospitalização e Qualidade de Vida em Crianças

Por: Aline de Albuquerque Bastos, Sônia Regina Fiorim Enumo e Tatiane Lebre Dias.

Revista Brasileira de Qualidade de Vida - v.10 - n.4 - 2018

Send to Kindle


Resumo

OBJETIVO: Analisar em crianças internadas por doenças crônicas, com idade entre cinco e sete anos, problemas de comportamento, coping da hospitalização e qualidade de vida (QV).

MÉTODOS: A amostra foi composta de 33 crianças, com idade entre 5 e 7 anos, internadas em um hospital universitário por condições crônicas, em Cuiabá (MT), que responderam individualmente o Kidcope e o Autoquestionnaire Qualité de Vie Enfante Imagé. Os pais das crianças que compõem a amostra responderam o Child Behavior Checklist (1½-5 anos e 6-18 anos). Na análise dos dados seguiu o preconizado em cada instrumento.

RESULTADOS: Foram identificadas na faixa clínica para problemas de comportamento 71,4% das crianças mais novas, com destaque para problemas internalizantes, e 52,6% daquelas entre 6-7 anos, com maior frequência para problemas internalizantes. As crianças lidavam com a hospitalização com estratégias de enfrentamento (EE) de regulação emocional e busca de suporte social (EE adaptativas); mas, também com autocrítica e culpabilizando os outros (EE mal adaptativas). A maioria (59,26%) das crianças apresentou qualidade de vida positiva, relacionada à família (M=10,22; DP=2,89) e função (atividades na escola, refeições) (M=8,88; DP=3,06).

CONCLUSÕES: Esta amostra apresentou problemas de comportamento prévios à hospitalização, relacionados à ansiedade e à depressão, comuns nas doenças crônicas. Associados à presença de EE mal adaptativas, esses problemas indicam a necessidade de atenção à saúde mental das crianças internadas, podendo contribuir para melhora da sua qualidade de vida e os desfechos em saúde.

Endereço: https://periodicos.utfpr.edu.br/rbqv/article/view/8112

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.