Projeto Esporte Escolar e o Impacto no Desenvolvimento de Seus Participantes de Uma Comunidade de São José (sc)

Por: Rodrigo Flores Sartori.

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.7 - n.1 - 2005

Send to Kindle


Resumo

A participação e o envolvimento com atividades extracurriculares, como as atividades de lazer, recreacionais ou esportivas têm se tornado um tópico de importância no que se refere às oportunidades referentes às políticas públicas. Nesse sentido o objetivo desse estudo é avaliar o impacto do Projeto Esporte Escolar no desenvolvimento de seus participantes em uma comunidade de São José (SC). Partindo de uma perspectiva bioecológica proposta por Bronfenbrenner e Morris (1998), a avaliação que se pretende neste estudo, evidenciará uma análise das atividades e relações experienciadas no microssistema Projeto Esporte Escolar e uma análise da rede social que se forma a partir de sua implantação. Foi utilizado um referencial teórico-metodológico descrito por Cecconello e Koller (2003), denominado de Inserção Ecológica. Durante a investigação, os processos proximais que ocorreram, foram verificados por meio de dois instrumentos: (a) um anedotário para o registro das conversas informais e das observações e (b) entrevistas. Os participantes identificados para este estudo fazem parte de quatro unidades ambientais, onde as crianças aparecem como participantes centrais da avaliação. Dentre todos os participantes referentes às unidades ambientais mencionadas, foram entrevistadas quarenta e quatro (44) crianças com idade entre 10 e 13 anos inscritas no Projeto Esporte Escolar ; nove (9) famílias, sete (7) professores da escola, duas (2) diretoras e uma (1) supervisora. A partir das informações coletadas foi delineado o mapa ecológico referente ao macrossistema do estudo, que segundo Krebs (2001) representa a dinâmica da rede social da comunidade. Como resultados deste estudo é possível ressaltar os seguintes pontos: (A) Os processos proximais efetivados em função das atividades experienciadas e das características pessoais, desencadearam uma força para que as crianças permanecessem engajadas no Projeto, além de uma maior participação em atividades físicas em outros locais da comunidade; (B) os processos proximais ocorridos em função da aquisição de experiências, conhecimentos e habilidades no contexto do Projeto Esporte Escolar geraram mudanças nas relações das crianças com os membros das famílias, e também novas oportunidades de relacionamentos entre os pares; (C) o Projeto Esporte Escolar tem potencial para instigar o desenvolvimento não apenas das crianças diretamente envolvidas no projeto, mas também de seus familiares e das outras crianças da comunidade que com elas interagem a partir da participação em atividades físicas em outros ambientes e; (D) os pais e professores que participaram ativamente das atividades de seus filhos e alunos no Projeto Esporte Escolar, desenvolveram um senso comum de perspectivas em favor das crianças. Finalmente, pode-se considerar que o impacto de um projeto está relacionado à maneira como os responsáveis se inserem nas comunidades, para que a partir dessas interações ocorra uma transformação em benefício dos participantes.

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/3788

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.