Projeto Juventude em Movimento: Uma Análise das Políticas Públicas de Esporte e Lazer Para Jovens em Cumprimento de Medidas Socioeducativas

Por: Fabiano Antônio Sena Peres, Khellen Cristina Pires Correia Soares e Samantha Amorim Lopes Cambraia.

XXI Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e VIII CONICE - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

INTRODUÇÃO

O presente trabalho tem como objetivo analisar o projeto “Juventude em Movimento”, enquanto política pública da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte - SMEL/PBH. O referido projeto consiste em ofertar oficinas de esportes radicais urbanos (Skate, Parkour, Slackline) para adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto, proporcionando novas formas de apropriação dos espaços da cidade. A proposta concorreu ao Edital de Chamamento Público, 001/20182 , do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente de Belo Horizonte - CMDCA/BH, foi aprovada e encontra-se em processo de formalização do instrumento jurídico para início da execução. Com o objetivo de promover o acesso dos jovens em conflito com a lei, à prática de atividades esportivas, a SMEL, juntamente com outros órgãos da PBH, elaborou o “Juventude em Movimento” na busca de efetivar sua competência, expressa por lei, de criar e manter programas de atendimento a esse público que não tem seus direitos assegurados. 

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.