Proposta Metodológica Para Análise Cinemática e Fisiológica da Corrida no Triathlon

Por: Carina Helena Wasem Fraga.

Motriz - v.12 - n.2 - 2006

Send to Kindle


Resumo

Para triatletas, a corrida representa um segmento essencial em relação aos resultados finais. O objetivo deste estudo foi propor uma metodologia para análise cinemática e fisiológica da corrida de triatletas, em condições de competição simulada. Para avaliar o protocolo proposto realizou-se ensaio experimental, com um triatleta experiente, do sexo masculino. Foram comparadas três situações: corrida do triathlon (10 km após 40 km de ciclismo); corrida isolada (10 km); e corrida prolongada (10 km após uma corrida com tempo correspondente aos 40 km de ciclismo). Os dados cinemáticos (freqüência e amplitude de passada; amplitude de movimento articular da coluna, quadril, joelho e tornozelo; e, trajetória do quadril) e fisiológicos (valores de consumo de oxigênio), foram obtidos no 1º, 5º e 9º km. Os dados permitem inferir que a metodologia proposta fornece resultados satisfatórios, aproximando as avaliações das condições reais de uma competição, o que viabiliza adequada comparação entre as corridas mencionadas.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/96/73

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.