Proposta de Modelo Matemático Para Estimativa do Numero de Leucocitos Circulantes Pós-exercício em Ratos Wistar

Por: Aparecido Pimentel Ferreira, Ciro José Brito, Cláudio Córdova, Edmar Lacerda Mendes, e Otávio de Tolêdo Nóbrega.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.21 - n.4 - 2013

Send to Kindle


Resumo

Sugerem-se que os efeitos do exercício físico sobre o sistema imunitário possam contribuir tanto para o tratamento de doenças crônicas quanto para a prevenção de processos infecciosos oportunistas. Entretanto, para que este propósito seja alcançado, é importante a especificação e a prescrição do protocolo de exercício. Sendo assim, o presente trabalho teve por objetivo investigar os efeitos da intensidade do exercício agudo no número de leucócitos circulantes em ratos Wistar e de erigir modelos matemáticos-estatísticos capazes de predizerem o número celular em função da concentração de lactato sanguíneo (mmol.l-1). Os resultados sugerem que a relação polinomial cúbica foi a que melhor representou a relação entre leucócitos (R2=0,91), linfócitos (R2=0,90), monócitos (R2=0,46), e neutrófilos (R2=0,81). Exceto para os monócitos, sugere-se forte relação entre a concentração de lactato sanguíneo e o número de leucócitos circulantes pós-exercício.

Endereço: http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/4180

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.