Propriedades Psicométricas do Questionário de Ambiente de Grupo (qag) Para o Contexto do Futebol e Futsal de Alto Rendimento

Por: Andressa Contreira Ribeiro, Caio Rosas Moreira, Gislaine Contessoto Pizzo, José Roberto Andrade do Nascimento Junior, e Vandressa Teixeira Ribeiro.

Revista da Educação Física - UEM - v.27 - n.1 - 2016

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi testar as propriedades psicométricas da versão brasileira do Questionário de Ambiente de Grupo (GEQ) para o contexto do futsal e futebol de alto rendimento. Participaram do estudo 441 atletas do sexo masculino, sendo 140 de futebol e 301 de futsal. A análise dos dados foi conduzida utilizando os testes alfa de Cronbach (α), confiabilidade composta (CC), análise fatorial confirmatória (AFC), variância extraída média e correlação de Spearman. Os resultados evidenciaram que o GEQ apresentou consistência interna satisfatória (α>0,70/CC>0,70). A AFC revelou que o modelo com 16 itens apresentou ajuste adequado para atletas de futebol e futsal e a análise multigrupos apontou invariância parcial (métrica e configuracional) entre jogadores de futebol e futsal. O GEQ apresentou validade externa satisfatória com as dimensões do CART-Q (r>0,50/p<0,05). Concluiu-se que a versão do GEQ para o contexto do futebol e futsal brasileiro de alto rendimento apresentou satisfatória propriedades psicométricas.

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/30130

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.