Publicações Periódicas Científicas em Educação Física e Esporte de Sociedades Científicas e Associações de Categoria Profissional

Por: .

Atlas do Esporte no Brasil.

Send to Kindle


Resumo

No Brasil, o periodismo científico institucional possui seus pilares especialmente na virada do século XIX–XX. Todavia, a base sobre a qual nosso periodismo científico institucional foi erguida, surgiu das revistas de Medicina, de Medicina Legal e Criminologia, de Farmacologia, de Odontologia, de Ciências Agronômicas, de Engenharia, de Direito, de História e Geografia e da Museologia. As revistas de sociedades científicas e de associações de categoria da Educação Física e Esporte apareceram no último quarto do século XX e são descendentes da imprensa de variedades, de esportes, de interesse militar, de ensino, de ensino da Educação Física e de interesse técnico de ensino da Educação Física e Esportes, em adição à experiência acumulada pelas universidades e sociedades científicas brasileiras e estrangeiras. Tal evolução só recentemente tem tido atenção de pesquisadores brasileiros que estão verificando como elas tem se desenvolvido. Exemplo disso e da diversidade do periodismo da área é a Revista Brasileira de Fisiologia do Exercício, editada pelo Grupo Sprint, surgida recentemente como único periódico do tipo científico da área de Educação Física e Esportes que não possui vínculo com Universidade, Sociedade Científica e Associação de Categoria Profissional.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.