Qual é o Perfil Motivacional Característico de Tenistas Infanto - Juvenis Brasileiros ?

Por: Carlos Adelar Abaide Balbinotti, Luciano Juchem, Marcos Alencar Abaíde Balbinotti, Marcus Levi Lopes Barbosa e Ricardo Pedrozo Saldanha.

Motriz - v.18 - n.4 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Motivação, na Teoria da Autodeterminação (TAD), é entendida como a chave principal do bom funcionamento psicológico do indivíduo e de seu bem-estar geral. De acordo com esta teoria, o “Prazer” é a dimensão que melhor explica o comportamento humano autodeterminado. Este estudo descreve o perfil motivacional característico de tenistas infanto-juvenis brasileiros e explora possíveis diferenças significativas nas médias das dimensões que integram o perfil avaliado pelo Inventário de Motivação à Prática Regular de Atividades Físicas e/ou Esportivas (IMPRAFE-126), controladas pela variável “Sexo”. Uma amostra de 226 tenistas gaúchos e catarinenses, com idades entre 13 e 16 anos. Os resultados indicam que a dimensão que mais motiva esses tenistas, independente do sexo, é o Prazer, seguida, respectivamente, pelas dimensões: Competitividade, Saúde, Sociabilidade, Estética e Controle de Estresse. Além de este resultado ser um importante indicador à formulação de modelos de treino, uma das principais conclusões é que este estudo confirma a teoria de base.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/5025

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.