Quando a Dança Encontra a Criança: Um Estudo Acerca da Criação em Dança Contemporânea Para Criança

Por: Julia de Andrade Henrique dos Santos.

129 páginas. 2017 09/06/2017

Send to Kindle


Resumo

Partindo da constatação de que a dança contemporânea para crianças vem se tornando uma área expressiva no campo da pesquisa e criação em dança, a presente dissertação busca refletir sobre as singularidades dessa área de atuação da dança cênica. No encontro da dança contemporânea com as crianças, emerge o entrecruzamento de diversas áreas de conhecimento. A partir desses estudos, surge o encontro da leitura feita das referências bibliográficas com a análise de três obras de arte brasileiras que se enquadram no campo da produção em dança para crianças. Foram escolhidas três produções de três companhias de dança que partiram de processos de criação distintos, acreditando que, desta forma, possam ser relevantes para se estabelecer um panorama das produções em dança para crianças atuais no país. As três obras escolhidas foram Dança em Jogo da Balangandança Cia, Poemas Cinéticos da Lagartixa na Janela e Pequena Coleção de Todas as Coisas da Cia Dani Lima. As análises de tais obras assim como a contextualização do fenômeno dança para crianças foram realizadas através de diferentes autores que advém de campos distintos como estudos da infância, produção cultural, arte contemporânea, dança contemporânea, recepção estética, entre outros campos epistemológicos. Manoel de Barros, poeta que exercita ser criança em sua poesia, assim como as crianças que exercitam ser poetas no seu ser criança, também exerceram grande influência nesta pesquisa. Tanto a dança para crianças como a poesia de Manoel de Barros, são línguas de brincar. No caso da dança, o papel do performer é central nessa língua. Sendo um público bastante exigente e sincero, a criança entendida aqui como um ser produtor de culturas e de saberes, precisa se sentir conectada com os adultos em cena, e, para ocorrer conectividade com seu público-alvo, é fundamental a presença de um corpo cênico receptivo. Um estado corporal cênico brincalhão que se apresenta no entrelaçamento, compartilhando com a criança através da expressividade do gesto do adulto memórias e imaginários permitindo que, na atualidade da cena, dança e criança se encontrem numa experiência compartilhada. Através da interface de estudos interdisciplinares, portanto, esta pesquisa pretende trazer contribuições para a dança contemporânea, produção cultural para crianças e estudos da infância.

Endereço: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/93/93131/tde-04092017-114723/pt-br.php

Ver Arquivo (PDF)

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.