Re-significando Práticas Corporais na Prevenção e Reabilitação Cardiovascular 129

Por: Albertina Bonetti, Melina Alarcon e Verónica Bergero.

Praticas Corporais: experiências em Educação Física para uma formação humana.

Send to Kindle


Resumo

INTRODUÇÃO
A vida moderna nos coloca em contextos de difícil solução e de grande pressão, tanto individual como coletivamente. Boa parte dessa tensão cotidiana, para além dos imprevistos, tem levado a um aumento significativo do número de doenças, as quais tem se tornado um “mal moderno”.

Nesse contexto, uma das preocupações constantes com a quais as pessoas vivem está voltada para o mundo do trabalho, permeado pela competição e produção permanentes, fato que proporciona às pessoas hábitos inadequados no seu processo de viver, cada vez mais estressado, mais sedentário e impossibilitado da realização de algum tipo de prática corporal cotidiana. Isso provoca alterações também no padrão de funcionamento biológico das pessoas, e nos hábitos de saúde e no surgimento de patologias clínicas. Sob esse aspecto, é possível estabelecer a relação dos hábitos de vida inadequados com o surgimento de diferentes tipos de doenças, dentre as quais as doenças cardiovasculares.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.