Reações de Mães de Deficientes Mentais Face Ao Reconhecimento da Condição dos Filhos Afetados: Um Estudo Psicológico

Por: Sadao Omote.

0 páginas. 1980

Send to Kindle


Resumo

Foram analisadas e discutidas neste reato algumas concepções acerca da deficiência mental, que se caracterizou como um fenômeno antes social que medico - educacional.A deficiência mental foi concebida como um fenômeno socialmente construído sem, porem, negligenciarem –se a condição medica incapacitadoras que, de fato, podem prejudicar e dificultar a aprendizagem e o ajustamento geral dos portadores dessas condições. A carreira de "família do deficiente mental" foi caracterizada com base nos dados descritos na literatura especializada e foi configurada a necessidade de que a reabilitação ou a educação especial do deficiente mental leve em conta também as reações emocionais dos familiares face à condição do indivíduo afetado e ao tratamento dele.Em conseqüência, foi indicada a necessidade de que os familiares de deficientes mentais sejam atendidos para minimizar os seus problemas enquanto pai, mãe, irmão ou irmã de um indivíduo socialmente reconhecido e tratado como deficiente mental. A Pesquisa contida neste trabalho, juntamente com uma consideração geral da área de estudos em que se insere, é uma tentativa de descrever, através dos relatos obtidos em entrevistas, as reações apresentadas por 52 mães de deficientes mentais, face à problemática com que se tem defrontado a partir da revelação do diagnóstico da condição dos seus filhos. Essas reações pareceram indicar as tentativas dessas mães se adaptarem a uma situação- a de ser mãe de deficiente mental- que pareceu, em geral, difícil de ser aceita por elas. Na analise das entrevistas dessas mães, procurou-se identificar e descrever pontos convergentes, que foram denominados Núcleos.Esses núcleos parecem corresponder aos focos das preocupações centrais manifestadas por essas mães, com relação a problemática da deficiência mental dos seus filhos. A analise estatística indicou algumas relações significantes entre diversos Núcleos comparados entre si. Além disso, foram também feitas as comparações entre alguns Núcleos e algumas características da amostra. O quadro etiológico bem definido – ou o rotulo diagnostico especifico – parece exercer profundas influencias sobre o universo psicológico de preocupações das mães de deficientes mentais, com relação à problemática dos filhos afetados. Foram levantadas algumas questões, como, por exemplo, o efeito que o rotulo diagnostico especifico atribuído a um individuo considerado deficiente mental poderia exercer sobre a carreira de" família do deficiente mental", questões essas que deverão orientar as futuras pesquisas. Por fim, foi apresentada uma transição integral da entrevista realizada com uma das mães da amostra, e o comentário que para ela elaboramos

Endereço: http://www.nuteses.temp.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?pesqExecutada=2&id=1564&listaDetalhes%5B%5D=1564&processar=Processar

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.